Batismo em fogo estranho

Será que o ministério e ação do Espírito Santo se limita apenas à arrepios, choros e gritaria no momento do culto? Será que Sua missão é apenas criar manifestações e barulho em nossos cultos?

A adoração que Deus aceita

Um culto que preze pela forma litúrgica adequada mas descuide do coração contrito será até belo de assistir, mas acabará por ser rejeitado por Deus e com isso causará apenas revolta e decepção nos que dele participaram.

É possível conhecer Deus?

Deus pode ser conhecido na fé estabelecida e cultuada a sólida tradição religiosa – e verdadeiramente precisa dela em certo sentido para lhe dar coerência histórica – como dela vai sempre além podendo ser percebido nas peculiaridades humanas.

Quem disse que o diabo veio para matar, roubar e destruir?

Quantas vezes você já não ouviu que o diabo veio para matar, roubar e destruir? Em primeiro lugar não há um único versículo na Bíblia com esse conteúdo e, em segundo lugar, o ladrão de João 10:10 não se refere ao diabo…

Uma geração que arde para Jesus. Será mesmo?

Sempre ouvimos nossos jovens falar que queimam para Jesus, que seus corações ardem pelo Reino e que estão dispostos a fazer loucuras para Cristo. Mas será mesmo que essa geração é capaz de viver tudo isso que afirma ou será que não passa de emocionalismo e de um cristianismo barato?

Mensagem da Páscoa – 2017

Na páscoa, nós, os seguidores de Cristo somos impulsionados a um profundo mistério, um mistério diante do qual nos maravilhamos. Contemplamos este mistério que nutre nossa fé e enche nosso coração de assombro, amor e louvor.

Os Grandes Princípios Batistas – A AUTONOMIA DA IGREJA LOCAL

A pedra de toque do processo batista é a igreja local. Somos congregacionais desde nossa origem: o governo pertence à congregação local e ela não está sujeita a nenhuma outra instância.

Parábola das coisas – o motor

O ponto de partida da comparação é a realidade de que o motor é sempre parte de um todo maior. Não faz sentido ter um motor que não esteja devidamente colocado em um carro. E nem aquele conjunto de coisas será de verdade um automóvel sem que nele esteja colocado um motor.

Parábola das coisas – o motor

O ponto de partida da comparação é a realidade de que o motor é sempre parte de um todo maior. Não faz sentido ter um motor que não esteja devidamente colocado em um carro. E nem aquele conjunto de coisas será de verdade um automóvel sem que nele esteja colocado um motor.

Jabulani

Passada uma semana da tragédia que vitimou mais de setenta pessoas ligadas à Associação Chapecoense de Futebol – e a comoção que se seguiu – e para que também a dor não caia na vala comum do esquecimento; quero publicar aqui este texto que escrevi em junho de 2010, no ensejo da Copa do Mundo de Futebol ocorrida naquele ano na África do Sul. Com ele eu me solidarizo com os que choram (Rm 12:15), acreditando porém que relembrar motivos de celebração pode ajudar neste momento de perda e dor; orando ainda para o Senhor confortar os corações enlutados.