O Tabernáculo

1. O porque do Tabernáculo
Desde sempre, Deus só teve um enorme e profundo desejo, porque Deus tinha também uma enorme e profunda necessidade. Deus desejava de todo o coração conviver com um outro ser para além de si mesmo. Assim veria suprida a sua necessidade que era a solidão.
Como é evidente, Deus não escolheu um “dinossauro” para ter comunhão com ele, porque este não havia sido criado à imagem e semelhança d’Ele.
Deus criou o homem a imagem e semelhança de si mesmo (à semelhança = da mesma natureza), com os mesmíssimos ingredientes dele próprio. Assim, não é Deus que é humano; nós é que somos divinos!
Temos as mesmas capacidades e necessidades que Deus tem. Deus não é assim um “tão grande bicho de sete cabeças”, Deus tem alma.
Não se choque por ver em si algumas semelhanças com Deus. Normalmente os filhos são parecidos com os pais e não com os vizinhos ao lado!
Portanto: Deus fez a primeira tentativa de conviver com o homem. Criou Adão e Eva; diz a Bíblia, em Gênesis, que Deus passeava com eles a viragem do dia, Deus tinha comunhão com eles. Eles eram transparentes para com Deus e Deus para com eles. Vestiam-se com a glória de Deus.
Como se sabe, falhou e, Deus foi fazendo várias tentativas ao longo dos tempos de arranjar uma família com quem ele pudesse viver em comunhão.
Ex.: Noé, Abraão, Moisés, …, até que veio Jesus!

o inferno não é o pior

Para aqueles cuja visão se limita apenas a conquistas materiais, à fama ou a glória deste mundo, não resta a menor dúvida de que sofrerão o dano da segunda morte. Eis algumas questões a serem consideradas com respeito à eternidade:

Batizar com o Espírito Santo e com fogo!

Há um certo abuso na interpretação desse texto por parte dos pentecostais. Eles associam dois elementos do texto que são completamente opostos. Vamos analisar o texto mais de perto?

Carro de pastor da IURD pega fogo com R$ 100 mil

No dia 1º de julho um carro pegou fogo Via Dutra, em Barra Mansa, no Sul do estado do Rio de Janeiro. Dentro desse carro, que foi abandonado pelo dono, havia um saco de dinheiro com mais de R$100 mil escondidos no motor…

Ler grátis: A Dança Dos Dragões – As Crônicas de Gelo e Fogo – Vol. 5

O Norte jaz devastado e num completo vazio de poder. A Patrulha da Noite, abalada pelas perdas sofridas para lá da Muralha e com uma grande falta de homens, está nas mãos de Jon Snow, que tenta afirmar-se no comando tomando decisões difíceis respeitantes ao autoritário Rei Stannis, aos selvagens e aos próprios homens que comanda.

Ler Grátis: O Festim Dos Corvos – As Crônicas de Gelo e Fogo – Vol. 4

Continuando a saga mais ambiciosa e imaginativa desde “O Senhor dos Anéis”, “As Crônicas de Gelo” e “Fogo” prosseguem após o violento triunfo dos traidores.