Cultuano com Noé – 1a. parte

Com a fumaça que subiu da adoração de Noé, Deus se agradou e decidiu se pactuar com suas criaturas. O final desta história é a citação de que um sinal foi posto no céu como demonstração visível daquilo que o Senhor tinha falado

Culto Levítico vs. Adoração hoje

O Senhor da igreja ainda requer que seus adoradores conheçam a quem adoram (Jesus citou isso a mulher samaritana em Jo 4:22), e isso se dá quando o culto é feito tendo como alicerce um estudo santo e criterioso do texto bíblico; para que não se transforme em ritos sem sentido. Observe que na recomendação a Timóteo a Palavra de Deus encontra o seu lugar devido: leitura pública, exortação e ensino (1Tm 4:13).

A adoração que Deus aceita

Um culto que preze pela forma litúrgica adequada mas descuide do coração contrito será até belo de assistir, mas acabará por ser rejeitado por Deus e com isso causará apenas revolta e decepção nos que dele participaram.

Aprendendo com o primeiro casal

Assim a adoração e o culto devem ser uma resposta a esta iniciativa do Senhor em buscar o encontro. Adoramos e cultuamos quando percebemos claramente quem é o Deus que com a sua voz, naquele lugar e momento nos chama ao encontro com ele mesmo; e percebendo desta forma, respondemos a ele.

Ajuda Espiritual

S.O.S ESPIRITUAL
Problemas nas áreas:
conjugal, Familiar, Saúde, Vícios, Trabalhos de feitiçaria, Fraqueza espiritual e outros males.
ESTAMOS AQUI!
Conte-nos o que está acontecendo, estaremos todos os sábados a partir das 23h realizando “Clamor da Fé”.

Conselhos bíblicos sobre adoração e culto – O CULTO DE NOÉ

Logo ao sair da arca, Noé construiu um altar para Deus e ali sacrificou em celebração e adoração. Aquele homem entendeu que assim deve ser o culto. E a partir da sua experiência podemos com certeza aplicar as lições em nossa adoração e em nosso culto.

Conselhos bíblicos sobre adoração e culto – CAIM E ABEL

Do oferecimento de Caim e Abel, lá tão próximos da origem de todos nós, podemos aprender lições importantes e trazer aplicações necessárias para que nosso culto e adoração hoje sejam dignos do verdadeiro Deus.

Vamos à casa do Senhor

Daí a compreensão de que culto é memorial dos atos poderosos de Deus na história, é gratidão pela libertação, é submissão à soberania inconteste de Jesus e é celebração pela vitória final de Cristo e suas hostes. Agora fazem sentido as palavras do salmista: “Alegrei-me com os que me disseram: Vamos à casa do Senhor!” (Sl 122:1).

No tempo e no lugar de Deus

Como seres humanos que somos, estamos inseparavelmente submetidos às limitações do espaço e do tempo, por isso devemos considerá-lo quando vamos até a presença de Deus para cultuá-lo.

O culto como anúncio

Se nós nos encontramos com Cristo no culto então a nossa celebração é também uma denúncia da separação entre Deus e seres humanos e também o anúncio de que Cristo já veio em resgate desta humanidade oferecendo-lhe solução para todos os seus problemas espirituais, psicológicos e sociais.

O culto como encontro com Cristo

Regularmente a Igreja de Cristo se reúne para celebrar e cultuar a Deus e isto é feito no meio da coletividade cristã. É na comunhão dos santos que este grupo se faz Igreja, e o faz reunido como um encontro sagrado: isto é o Culto – o encontro sagrado da igreja.

Utensílios do Tabernáculo

O que conhecemos hoje como Tabernáculo foi uma tenda construída a mando de Deus pelos Filhos de Israel enquanto peregrinavam pelo deserto e que serviria como lugar de culto e de encontro com Deus. Acompanhe como era a distribuição interna da construção: