Livros com dois mil anos seriam a mais antiga referência a Jesus

Um compêndio de 70 livros considerados como as menções mais antigas a Jesus Cristo foram encontrados na Jordânia, em 2008, pelo beduíno israelense Hassan Saeda. Feitos de chumbo, os tabletes são presos por anéis, formando um único volume. Contudo, esse material causou divisão entre os estudiosos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *