“Que a Igreja perca o dinheiro, mas não perca a si mesma”, afirma Cardeal Martini

Temos visto nos dias de hoje um crescimento assustador dentro das igrejas da “prosperidade”, seria isso um novo mover de Deus? Não! Infelizmente isso apenas denota que as igrejas (não todas) estão dando boas vindas ao anticristo. Nessas igrejas, pouco ou quase nada, ou nada se fala sobre santificação. O assunto predominante é TER e não o “ser”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *