Governo do Sudão destrói templo evangélico que abrigava mais de 600 pessoas

Autoridades do governo destruíram a Igreja Sudanesa de Cristo no norte de Cartum, que reunia mais de 600 pessoas. 70 funcionários estatais participaram da demolição no dia 1º de julho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *