Palavras de Zhao Xia, esposa do pastor chinês Li de Xian

Não tenham dó dos cristãos da China. Pelo menos as perseguições nos mantêm alertas para o fato de que estamos numa guerra espiritual. Sabemos para quem estamos lutando. Também sabemos quem é o inimigo. E lutamos todos os dias. Por isso, talvez sejamos nós os Cristãos da China, que devamos orar pelos cristãos dos países livres, pois, ás vezes, com tanta diversão, tecnologia, facilidades e liberdade, muitos já não consigam perceber a guerra espiritual que os cerca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *