Jovem paquistanesa baleada na cabeça se recupera bem, diz pai

No começo do mês, no Paquistão, ela foi baleada na cabeça por um homem ligado aos radicais talibãs porque defende o direito das mulheres à educação. A milícia é contra as escolas para meninas. O pai afirmou que a filha é forte e que tem certeza de que vai continuar seguindo os sonhos dela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *