Portabilidade religiosa

A portabilidade religiosa, que é a liberdade de poder escolher de modo consciente, responsável e desimpedido a religião que pretendo abraçar e seguir seus preceitos e ditames sem que isso me cause constrangimento de qualquer espécie – e quantas vezes me for adequado – é sinal de uma sociedade saudável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *