É mais fácil tirar Jesus da Paulista do que os gays, diz vereador autor do dia do hétero

“Ele Kassab tirou a Marcha por Jesus e a CUT da (avenida) Paulista com o argumento de que, na região, há muitos hospitais. Mas manteve lá a Parada Gay! É mais fácil tirar Jesus da Paulista do que os gays”, afirmou Apolinario. Em entrevista publicada no domingo no jornal Agora São Paulo, Kassab disse que vetará o projeto por ser uma medida “despropositada”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *