Devemos orar pelos nossos inimigos

“Sei que alinha mãe vivia muito perto de Deus”, escreve Madame
Chiang Kai Shek no “World Outlook”. Quando pedíamos a opinião dela
sobre qualquer coroa dizia: “Preciso consultar Deus primeiro”. E
consultar Deus não significava para ela somente gastar uns cinco
minutos para pedir que Deus abençoasse a filha e concedesse o pedido.
Ela esperava até que pudesse sentir a direção de Deus”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *