Seja feita a nossa vontade, ou será a vontade de Deus?

A vontade pessoal nem sempre é um quesito necessário para realizar uma chamada vinda da parte de Deus. Em alguns casos raros Deus envia alguém para realizar sua obra, mesmo não sendo exatamente os planos da pessoa que foi enviada; temos como exemplo clássico o profeta Jonas. Deus chamou e enviou Jonas para pregar em Nínive, porém Jonas não tinha o desejo de efetuar tal obra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *