Países africanos se revoltam contra ameaça da Inglaterra de cortar assistência por causa da homossexualidade

África, 8 de novembro de 2011

O presidente de Gana está liderando a investida enquanto vários países africanos estão assumindo posturas contra a ameaça da Inglaterra para que eles legalizem os atos homossexuais ou sejam excluídos de receber assistência financeira.

“Eu, como presidente desta nação, nunca iniciarei nem apoiarei tentativa alguma de legalizar a homossexualidade em Gana”, disse o presidente John Evans Atta Mills numa declaração oficial para o governo da Inglaterra sob o primeiro-ministro David Cameron na quarta-feira passada.

Na Reunião de Chefes de…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *