CIENTISTAS ABREM CAMINHO PARA CRIAÇÃO DE FILHOS COM DOIS PAIS (E SEM MÃE)

Experimento produziu prole saudável a partir de injeção de espermatozoides em embriões inviáveis.

RIO – No ano passado, o Parlamento britânico aprovou a regulamentação de uma técnica que permite a produção de embriões humanos com material genético de duas mães e um pai, de forma a livrar as crianças do risco de doenças provocadas por defeitos nas mitocôndrias, as “usinas de energia” de nossas células. Agora, um grupo de pesquisadores no mesmo Reino Unido mostrou que no futuro talvez seja possível criar também embriões com dois pais e sem mãe, derrubando no caminho um dogma científico de quase dois séculos, segundo o qual só um óvulo em estado natural seria capaz de ativar alterações na atividade dos genes de um espermatozoide para dar origem a uma prole saudável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *