A Carta

Não, eu não sou maluco…mas se pudesse escreveria uma carta para mim mesmo! A grande arte do ser humano é dirigir-se a si mesmo! Não foi assim com o salmista? “Por que estás abatida ó minnha’alma?” (Sl 42.5) Pois bem, se pudesse escrever uma carta para mim, seria:
Daniel! Existem jovens e jovens no seio da Igreja…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *