Fátima Cleide parabeniza Revista Fórum por artigo “Homofobia em preto e branco”

Fátima Cleide parabeniza Revista Fórum por artigo “Homofobia em preto e branco”

Candidata derrotada do PT à reeleição no Senado elogia matéria tendenciosa a favor da agenda gay

“Parabéns! A matéria mostra a aituação vivida por homossexuais em nosso país. O desafio é superar o preconceito e a discriminação. Na legislação, o PLC122 busca contribuir para superar a lacuna existente. Informo que o mesmo tramita no Senado Federal e, neste momento arquivado. Precisamos de mobilização para seu desarquivamento. Apresentei substitutivo, já aprovado na Comissão de Assuntos Sociais, devidamente construido com os movimentos sociais. Espero que a maéria nos ajude nesta mobilização”.
Fátima Cleide Rodrigues, candidata derrotada à reeleição no Senado devido às suas obsessivas posturas pró-homossexualismo, na seção de comentários da Revista Fórum, no artigo “Homofobia em preto e branco”.
O artigo, que é matéria de capa da edição de janeiro de 2011 da revista Impressa Fórum e insinua que qualquer crítica ao homossexualismo é “homofobia” e equiparável de violência aos homossexuais, assim cita Julio Severo:
“Sites de religiosos que atacam a homossexualidade também existem aos montes. Em um deles, de autoria de Julio Severo, é possível encontrar artigos relacionando homossexualidade e pedofilia e um link para uma página que promete ajudar quem quer ‘sair do homossexualismo’”. 
Entretanto, a revista, que tem parceria oficial com o Fórum Social Mundial e o site Vermelho, do Partido Comunista do Brasil, evitou explicar a espetacularização sistemática do número insignificante de crimes envolvendo homossexuais em comparação com os números explosivos de crimes contra todos os cidadãos do Brasil. A revista também não fez nenhuma menção de homossexuais importantes e seus escritos defendendo a pedofilia, registrados nestes links do Blog Julio Severo:
Mas não é só na questão homossexual que a Fórum comete omissões e deturpações grosseiras. Artigos da Fórum sobre o Oriente Médio tratam Israel — não seus muitos vizinhos islâmicos “bonzinhos”, “civilizados” e “pacíficos” — como Estado terrorista.
O artigo “Homofobia em preto e branco” foi reproduzido pelo jornalista esquerdista Luis Nassif, que então aproveitou para atacar Julio Severo em seu texto contra o que ele intitula de “extrema direita”.
O texto de Nassif é uma continuação dos ataques do site Viomundo, que disse:
No dia 7, o Last Days Watchman, reproduz o texto do LifeSiteNews.Com. O Last Days Watchman é brasileiro, existe nas versões português, inglês, espanhol e alemão, e pertence a Júlio Severo, que está foragido. O Ministério Público Federal o está processando por incitação à homofobia.
O fato de que Fátima Cleide deu parabéns para a revista Fórum é perfeitamente natural: marxistas sempre elogiam colegas marxistas.
O fato de que vários sites — Viomundo, Luis Nassif e Fórum — estão atacando conjuntamente Julio Severo também é perfeitamente normal: marxistas andam sempre em matilha.
E a matilha quer agora ajudar Marta Suplicy a ressuscitar e aprovar o PLC 122. É uma matilha movida a ódio cego. Se não fosse ódio, fariam exatamente o que fez um jovem ex-ativista gay, que pediu perdão e cessou suas atividades de colocar em risco a vida e segurança de Julio Severo e sua família.
Mas no ódio não há lugar para perdão nem compaixão. O escritor homossexual Fabrício Viana deixou claro que, se o PLC 122 passar, o movimento homossexual poderá fazer com Julio Severo e outros cristãos muito mais do que já estão fazendo.
Artigos relacionados a este artigo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *